Você está ouvindo: Radio WEB Chamamé MS

Caio Escobar, Horqueta/Paraguay será uma das atrações do 2º Festival Cultural do Chamamé de Mato Grosso do Sul - Integração: Brasil, Paraguay e Argentina.

Caio Escobar, Horqueta/Paraguay será uma das atrações do 2º Festival Cultural do Chamamé de Mato Grosso do Sul - Integração: Brasil, Paraguay e Argentina.

👥Orivaldo Mengual 🕔23/05/2018 às 08:06:18

CAIO ESCOBAR

Claudio Cardozo, nasceu em Horqueta, Paraguai, no ano de 1962. Cantor e compositor de polca paraguaia, mais conhecido, como Caio Escobar. Chegou ao Brasil em 1972, trabalhando como zelador de prédio em 1975, e, posteriormente, como bancário até 1976.

Em 2013 ele lançou seu primeiro disco, intitulado Homem do Tempo, aonde vendeu 8.000cópias, após este, lançou Amor Peligroso em 2015, vendendo 5.000 cópias.Iniciou sua carreira musical no ano de 1982, sempre influenciado pela polca, guarânia e ochamamé, tocando em bares e festas, sempre com o desejo de compor suas própriasmúsicas. Em paralelo a isso, realizou o curso de estilista, trabalhando na alfaiataria de costura em 1991. Foi exclusivo da grife Paulo Roberto Falcão, até 1995. Sempre exercendo suas duas carreiras, de música e alta costura. Em 2003 recebeu seu primeiro convite para trabalhar no cinema, onde trabalhou na confecção do figurino do filme: Quanto vale por quilo, dirigido por Sérgio Bianchi, com a produção da Agravo Produções Cinematográficas LTDA.  Após este trabalho, foi convidado para trabalhar no filme Carmo(2007), dirigido por Murilo Pasta, com a participação dos atores Márcio Garcia, Seu Jorge, Thaís Fersoza, Mariana Loureizo, entre outros, com a produção conjunta do Brasil, Espanha e Polônia. Neste filme gravou duas músicas: Alfonso Loma (presente no primeiro disco) e Colorado. Teve também a oportunidade de trabalhar como figurinista no Filme Cabeça a Prêmio (2009), dirigido por Marco Ricca. Ao longo desses anos, fez shows por todo o estado de Mato Grosso do Sul, Paraná,  SãoPaulo,  Goiás e Minas gerais, além de se dedicar ao Caio Confecções, seu ateliê de altacostura.

Comentários